Léo Mana lamenta derrota, mas destaca trabalho de António Oliveira

Corinthians sofreu mais uma derrota no Brasileiro e está na vice lanterna da competição, gerando preocupação nos bastidores do Timão

Em busca de evolução


Corinthians acabou sendo derrotado no clássico diante do Palmeiras por 2 a 0, disputado na última segunda-feira (1), no Allianz Parque. Essa situação vem gerando uma preocupação nos bastidores para o decorrer da temporada diante das pretensões da equipe.


ReadyNow

Apesar de ter sido um clássico sem grandes polêmicas, ainda assim, a arbitragem acabou sendo pauta na coletiva após a partida. Isso porque, Abel fez acusações a Garro e critica trabalho de Daronco por conta de expulsão de Raphael Veiga.

E diante de tudo que vem ocorrendo, nos bastidores a diretoria vem trabalhando para garantir uma equipe forte e competitiva. Desta forma, vem buscando a renovação de Fagner por dois anos. O lateral de 35 anos vem sendo bastante criticado por parte da torcida.

Desabafou após a partida

Diante do resultado conquistado fora de casa e da posição que o Timão está na tabela do Campeonato Brasileiro é impossível escondeu a preocupação diante do futuro da equipe. Mas, apesar disso, o lateral Léo Mana foi só elogios ao trabalho de António Oliveira.  


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

“A gente sabe que o trabalho está sendo bem feito, da qualidade dos treinos, da preparação. Todo clube tem suas fases ruins, e estamos passando por uma”, destacou. O lateral ainda ressaltou a importância do clássico e do trabalho que foi realizado para o jogo.

Léo Mana destacou que a equipe estava motiva para buscar o resultado, entendendo a importância desses pontos para a situação do Corinthians na tabela de classificação. Mas, apesar da derrota, a equipe precisa levantar a cabeça seguir trabalho em busca da evolução.

Evoluir é necessário

“A gente quer ganhar o Derby mais do que os outros jogos. A gente estava muito motivado para vencer, mas não aconteceu. Seguimos de cabeça erguida, não podemos abaixar a cabeça, o trabalho está sendo feito. É questão de confiança para virar a chavinha”, apontou.

Diante da derrota no clássico, a equipe paulista finalizou a rodada na penúltima colocação do Campeonato Brasileiro, com apenas nove pontos conquistados. Vale destacar, que o Timão não vence há sete partidas.

Veja a repercussão da torcida

[[{“value”:”Corinthians sofreu mais uma derrota no Brasileiro e está na vice lanterna da competição, gerando preocupação nos bastidores do Timão
Em busca de evolução

Corinthians acabou sendo derrotado no clássico diante do Palmeiras por 2 a 0, disputado na última segunda-feira (1), no Allianz Parque. Essa situação vem gerando uma preocupação nos bastidores para o decorrer da temporada diante das pretensões da equipe.

Apesar de ter sido um clássico sem grandes polêmicas, ainda assim, a arbitragem acabou sendo pauta na coletiva após a partida. Isso porque, Abel fez acusações a Garro e critica trabalho de Daronco por conta de expulsão de Raphael Veiga.

E diante de tudo que vem ocorrendo, nos bastidores a diretoria vem trabalhando para garantir uma equipe forte e competitiva. Desta forma, vem buscando a renovação de Fagner por dois anos. O lateral de 35 anos vem sendo bastante criticado por parte da torcida.

Desabafou após a partida

Diante do resultado conquistado fora de casa e da posição que o Timão está na tabela do Campeonato Brasileiro é impossível escondeu a preocupação diante do futuro da equipe. Mas, apesar disso, o lateral Léo Mana foi só elogios ao trabalho de António Oliveira.  

“A gente sabe que o trabalho está sendo bem feito, da qualidade dos treinos, da preparação. Todo clube tem suas fases ruins, e estamos passando por uma”, destacou. O lateral ainda ressaltou a importância do clássico e do trabalho que foi realizado para o jogo.

Léo Mana destacou que a equipe estava motiva para buscar o resultado, entendendo a importância desses pontos para a situação do Corinthians na tabela de classificação. Mas, apesar da derrota, a equipe precisa levantar a cabeça seguir trabalho em busca da evolução.

Evoluir é necessário

“A gente quer ganhar o Derby mais do que os outros jogos. A gente estava muito motivado para vencer, mas não aconteceu. Seguimos de cabeça erguida, não podemos abaixar a cabeça, o trabalho está sendo feito. É questão de confiança para virar a chavinha”, apontou.

Diante da derrota no clássico, a equipe paulista finalizou a rodada na penúltima colocação do Campeonato Brasileiro, com apenas nove pontos conquistados. Vale destacar, que o Timão não vence há sete partidas.

Veja a repercussão da torcida”}]]