R$ 9,5 milhões: Santos avança conversas para volta de Ganso; saída de Diniz é trunfo

Meia de 34 anos ainda tem um ano e meio de contrato no Fluminense, porém saída de Fernando Diniz deixa futuro incerto no Rio de Janeiro

Sonhos altos na Vila Belmiro


Quem disse que o Santos não está pensando grande no mercado da bola? Ainda que a situação financeira não seja das melhores, o presidente Marcelo Teixeira mira alto, pensando em um possível retorno ao Brasileirão Série A em 2025.


ReadyNow

Por exemplo, Gabigol passou a ser um sonho, já que sua saída do Flamengo é iminente. O mandatário alvinegro chegou a oferecer um salário de R$ 2 milhões por mês com a ajuda de parceiros, além de um vínculo longo, até 2027.

Teixeira também está estreitando ainda mais as relações com o pai de Neymar. Por que não sonhar com o retorno do Menino da Vila ao término do contrato com o Al-Hilal? Até lá, o cartola espera que o Peixe já esteja na Série A e na disputa de torneios como Copa do Brasil e, na mais otimista previsão, a Copa Libertadores.

O Bolavip Brasil apurou que o presidente do Peixão também avançou as conversas para ‘repatriar’ outro Menino da Vila: Paulo Henrique Ganso. Com a saída de Fernando Diniz do comando técnico do Fluminense, o Peixe voltou a sonhar com o retorno do meia de 34 anos e campeão da Libertadores pelo Santos em 2011.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Ganso no Peixe? Pode ocorrer

Não há proposta oficial na mesa do Peixe e Marcelo Teixeira fez uma sondagem informal ao armador, que tem contrato até dezembro de 2025. Ganso é um dos atletas mais bem pagos no elenco tricolor, com salário mensal de R$ 500 mil, totalizando quase R$ 9,5 milhões em vencimentos, encargos e 13⁰.

Ganso foi revelado no CT Rei Pelé e teve passagem marcante pela Vila, onde foi campeão da Libertadores – Foto: Ricardo Saibun / Divulgação Santos FC

O camisa 10 do Fluminense soma três gols e três assistências em 24 partidas na temporada. Há poucos dias, o clube carioca anunciou a saída de Fernando Diniz, um entusiasta do futebol do atleta.

Na derrota para o Grêmio, sob o comando do interino Marcão, o meia iniciou a partida no banco. O uruguaio Terans foi titular e Ganso só entrou faltando 20 minutos para o encerramento da partida.

Pontos a favor para a volta do camisa 10

O Fluminense faz uma péssima campanha no Brasileirão Série A 2024 em que é o lanterna do certame com apenas seis pontos. Com isso, Teixeira tenta convencer Ganso do projeto a longo prazo e de reconstrução do Alvinegro Praiano.

Trata-se da mesma estratégia e projeto oferecidos a Gabriel Barbosa no sentido de planejar uma equipe competitiva novamente para 2025. Reforçando que retornar à Série A fará o Clube receber maior receita, especialmente da CBF pelos direitos de transmissão dos certames.

Após a vitória contra a Chapecoense no último minuto, com gol de Willian Bigode, o Santos chegou à vice-liderança do Brasileirão Série B 2024 com 22 pontos, a apenas um do líder Avaí. Vale lembrar que o América-MG ainda joga na rodada e pode ultrapassar o time de Fábio Carille.

[[{“value”:”Meia de 34 anos ainda tem um ano e meio de contrato no Fluminense, porém saída de Fernando Diniz deixa futuro incerto no Rio de Janeiro
Sonhos altos na Vila Belmiro

Quem disse que o Santos não está pensando grande no mercado da bola? Ainda que a situação financeira não seja das melhores, o presidente Marcelo Teixeira mira alto, pensando em um possível retorno ao Brasileirão Série A em 2025.

Por exemplo, Gabigol passou a ser um sonho, já que sua saída do Flamengo é iminente. O mandatário alvinegro chegou a oferecer um salário de R$ 2 milhões por mês com a ajuda de parceiros, além de um vínculo longo, até 2027.

Teixeira também está estreitando ainda mais as relações com o pai de Neymar. Por que não sonhar com o retorno do Menino da Vila ao término do contrato com o Al-Hilal? Até lá, o cartola espera que o Peixe já esteja na Série A e na disputa de torneios como Copa do Brasil e, na mais otimista previsão, a Copa Libertadores.

O Bolavip Brasil apurou que o presidente do Peixão também avançou as conversas para ‘repatriar’ outro Menino da Vila: Paulo Henrique Ganso. Com a saída de Fernando Diniz do comando técnico do Fluminense, o Peixe voltou a sonhar com o retorno do meia de 34 anos e campeão da Libertadores pelo Santos em 2011.

Ganso no Peixe? Pode ocorrer

Não há proposta oficial na mesa do Peixe e Marcelo Teixeira fez uma sondagem informal ao armador, que tem contrato até dezembro de 2025. Ganso é um dos atletas mais bem pagos no elenco tricolor, com salário mensal de R$ 500 mil, totalizando quase R$ 9,5 milhões em vencimentos, encargos e 13⁰.

Ganso foi revelado no CT Rei Pelé e teve passagem marcante pela Vila, onde foi campeão da Libertadores – Foto: Ricardo Saibun / Divulgação Santos FC

O camisa 10 do Fluminense soma três gols e três assistências em 24 partidas na temporada. Há poucos dias, o clube carioca anunciou a saída de Fernando Diniz, um entusiasta do futebol do atleta.

Na derrota para o Grêmio, sob o comando do interino Marcão, o meia iniciou a partida no banco. O uruguaio Terans foi titular e Ganso só entrou faltando 20 minutos para o encerramento da partida.

Pontos a favor para a volta do camisa 10

O Fluminense faz uma péssima campanha no Brasileirão Série A 2024 em que é o lanterna do certame com apenas seis pontos. Com isso, Teixeira tenta convencer Ganso do projeto a longo prazo e de reconstrução do Alvinegro Praiano.

Trata-se da mesma estratégia e projeto oferecidos a Gabriel Barbosa no sentido de planejar uma equipe competitiva novamente para 2025. Reforçando que retornar à Série A fará o Clube receber maior receita, especialmente da CBF pelos direitos de transmissão dos certames.

Após a vitória contra a Chapecoense no último minuto, com gol de Willian Bigode, o Santos chegou à vice-liderança do Brasileirão Série B 2024 com 22 pontos, a apenas um do líder Avaí. Vale lembrar que o América-MG ainda joga na rodada e pode ultrapassar o time de Fábio Carille.”}]]