Saída de Jhon Arias: Fluminense não aceita e tenta convencer colombiano a mudar de ideia

Meio-campista que está com a Seleção Colombiana na Copa América quer ir embora, mas a diretoria não quer que isso aconteça

Vai ou fica?


Em meio à sua situação desesperadora no Campeonato Brasileiro, sendo lanterna da competição, com apenas sete pontos, o Fluminense vem tendo que conviver com outra situação trágica: a provável saída de Jhon Arias.


ReadyNow

A diretoria tricolor acabou sendo surpreendida com o pedido do colombiano, que está na semifinal da Copa América, sendo titular da Colômbia. Ele solicitou ser negociado e ir embora das Laranjeiras.

Inclusive, acabou vindo à tona o motivo que impulsionou essa decisão do camisa 21. A informação é que após ganhar destaque na Copa América, ele quer ter mais projeção internacional.

O provável destino dele é o West Ham, da Inglaterra, que formalizou uma oferta para o staff do atleta. No entanto, foi revelado que a cúpula carioca não quer saber de perdê-lo e que tomou uma atitude.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Reunião pode selar decisão

Isso porque, de acordo com o jornalista Wilson Pimentel, do RTI Esporte, o presidente Mário Bittencourt convocou uma reunião com Arias para a próxima semana, quando ele volta dos Estados Unidos.

A intenção do dirigente, que conta com o apoio do treinador Mano Menezes, é tentar convencê-lo a mudar de ideia. Assim, uma permanência no Rio de Janeiro poderia ajudar na luta do Flu contra o rebaixamento.

Existe o entendimento da comissão técnica que o colombiano pode ser um diferencial na campanha no Brasileirão. Ele seria uma referência tanto para o resto do elenco, em especial aos mais jovens, e também com possibilidade de ser decisivo em algumas partidas.

Marcelo pode continuar sendo desfalque

Enquanto isso, Mano Menezes segue focado na partida contra o Criciúma. O jogo está marcado para acontecer na próxima quinta-feira (11), no Estádio Heriberto Hülse, a partir das 20h (de Brasília).

Para o confronto, o treinador pode ainda não ter Marcelo. Ele vem se recuperando de fortes dores na panturrilha, Um teste feito pelo departamento médico ainda irá definir se ele será ou não relacionado.

[[{“value”:”Meio-campista que está com a Seleção Colombiana na Copa América quer ir embora, mas a diretoria não quer que isso aconteça
Vai ou fica?

Em meio à sua situação desesperadora no Campeonato Brasileiro, sendo lanterna da competição, com apenas sete pontos, o Fluminense vem tendo que conviver com outra situação trágica: a provável saída de Jhon Arias.

A diretoria tricolor acabou sendo surpreendida com o pedido do colombiano, que está na semifinal da Copa América, sendo titular da Colômbia. Ele solicitou ser negociado e ir embora das Laranjeiras.

Inclusive, acabou vindo à tona o motivo que impulsionou essa decisão do camisa 21. A informação é que após ganhar destaque na Copa América, ele quer ter mais projeção internacional.

O provável destino dele é o West Ham, da Inglaterra, que formalizou uma oferta para o staff do atleta. No entanto, foi revelado que a cúpula carioca não quer saber de perdê-lo e que tomou uma atitude.

Reunião pode selar decisão

Isso porque, de acordo com o jornalista Wilson Pimentel, do RTI Esporte, o presidente Mário Bittencourt convocou uma reunião com Arias para a próxima semana, quando ele volta dos Estados Unidos.

A intenção do dirigente, que conta com o apoio do treinador Mano Menezes, é tentar convencê-lo a mudar de ideia. Assim, uma permanência no Rio de Janeiro poderia ajudar na luta do Flu contra o rebaixamento.

Existe o entendimento da comissão técnica que o colombiano pode ser um diferencial na campanha no Brasileirão. Ele seria uma referência tanto para o resto do elenco, em especial aos mais jovens, e também com possibilidade de ser decisivo em algumas partidas.

Marcelo pode continuar sendo desfalque

Enquanto isso, Mano Menezes segue focado na partida contra o Criciúma. O jogo está marcado para acontecer na próxima quinta-feira (11), no Estádio Heriberto Hülse, a partir das 20h (de Brasília).

Para o confronto, o treinador pode ainda não ter Marcelo. Ele vem se recuperando de fortes dores na panturrilha, Um teste feito pelo departamento médico ainda irá definir se ele será ou não relacionado.”}]]