Fluminense vê contrato com a Betano defasado, mas prega muito respeito ao atual patrocinador

O clube carioca enviou uma contraposta à empresa de apostas para aumentar os valores da parceria e aguarda resposta.



Rio de Janeiro.- O Fluminense tem aberto negociações para tentar elevar a receita obtida através do patrocínio máster. Dentro das Laranjeiras há um consenso de que o vínculo atual com a Betano está defasado. O contrato com a empresa de apostas é até 2025, com o pagamento de R$ 20 milhões por temporada.

Segundo publicação do ge, o presidente do Tricolor, Mário Bittencourt, confirmou que o clube está rediscutindo os valores de patrocínio após a temporada que teve em 2023. Na oportunidade, o dirigente pregou respeito a Betano.

“Temos credibilidade na relação. De pagar credores, de relações. Não é diferente com o nosso patrocinador máster hoje, que temos que lembrar que acreditou no clube num momento de dificuldade. Se continuar, vai ter relação de respeito. Se não continuar, também, porque eles podem voltar para cá. A relação é excelente, mas dissemos ao nossos parceiros que os valores estão defasados. Vamos buscar do parceiro um valor que ele pode pagar, que ele pode pagar e não como estão divulgando (propostas irreais).

Ainda de acordo com a reportagem, é sabido que o patrocinador atual expressou interesse em continuar associado ao clube, porém, também se sabe que há negociações em curso com o Vasco, rival do Fluminense. A diretoria tricolor apresentou uma contraproposta à empresa para aumentar os termos da parceria e está aguardando uma resposta. Enquanto isso, está avançando com outras empresas.

Conforme informado pelo jornalista Victor Lessa em seu canal no YouTube, existem considerações sobre nomes como Pixbet e Superbet como empresas interessadas. A Superbet, inclusive, enfrenta uma situação peculiar: o ex-CEO da Betano renunciou ao cargo para ocupar a mesma posição na operadora de apostas. Atualmente, a Superbet é a patrocinadora máster do São Paulo.

O clube carioca enviou uma contraposta à empresa de apostas para aumentar os valores da parceria e aguarda resposta.

Rio de Janeiro.- O Fluminense tem aberto negociações para tentar elevar a receita obtida através do patrocínio máster. Dentro das Laranjeiras há um consenso de que o vínculo atual com a Betano está defasado. O contrato com a empresa de apostas é até 2025, com o pagamento de R$ 20 milhões por temporada.

Segundo publicação do ge, o presidente do Tricolor, Mário Bittencourt, confirmou que o clube está rediscutindo os valores de patrocínio após a temporada que teve em 2023. Na oportunidade, o dirigente pregou respeito a Betano.

“Temos credibilidade na relação. De pagar credores, de relações. Não é diferente com o nosso patrocinador máster hoje, que temos que lembrar que acreditou no clube num momento de dificuldade. Se continuar, vai ter relação de respeito. Se não continuar, também, porque eles podem voltar para cá. A relação é excelente, mas dissemos ao nossos parceiros que os valores estão defasados. Vamos buscar do parceiro um valor que ele pode pagar, que ele pode pagar e não como estão divulgando (propostas irreais).

Ainda de acordo com a reportagem, é sabido que o patrocinador atual expressou interesse em continuar associado ao clube, porém, também se sabe que há negociações em curso com o Vasco, rival do Fluminense. A diretoria tricolor apresentou uma contraproposta à empresa para aumentar os termos da parceria e está aguardando uma resposta. Enquanto isso, está avançando com outras empresas.

Conforme informado pelo jornalista Victor Lessa em seu canal no YouTube, existem considerações sobre nomes como Pixbet e Superbet como empresas interessadas. A Superbet, inclusive, enfrenta uma situação peculiar: o ex-CEO da Betano renunciou ao cargo para ocupar a mesma posição na operadora de apostas. Atualmente, a Superbet é a patrocinadora máster do São Paulo.