Moreira chama atenção e Carpini entrega novo cenário para lateral no São Paulo

Em coletiva, treinador do São Paulo abordou a situação de dois setores do Tricolor

São Paulo vence ganha nova opção com Moreira


Na última quarta-feira (7), o São Paulo encarou o Água Santa e venceu por 3 a 0, em partida realizada no Morumbi. Resultado importante, já que o São Paulo se consolidou na liderança do Grupo D, com 13 pontos. No contexto geral, o Tricolor está na segunda colocação, atrás apenas do Santos, que soma 13 pontos.


A vitória também foi um fato positivo, justamente no dia em que veio à tona a rescisão de contrato de James Rodriguez, que vai deixar o Clube após ser acionado por 14 vezes, embora tenha sido uma contratação que levantou grandes esperanças na torcida.

Contudo, o desempenho da equipe agradou e um nome se destacou, motivando manifestações de apoio nas redes sociais. Trata-se de Moreira, que substituiu Rafinha, que se recupera de lesão e tem atuado no sacrifício. A atuação do jogador chamou atenção de Carpini.

Importante lembrar que a lateral também tem Igor Vinícius, atleta elogiado pelo treinador na coletiva de pós-jogo. Igor está prestes a retornar, após lesão sofrida no jogo da Portuguesa. O comandante Tricolor fez entrou em detalhes sobre o setor.

Problemas nas laterais do São Paulo

“É um jovem que atua em uma posição muito carente no nosso cenário. O fato de o São Paulo contar com três jogadores deste nível (ele, Rafinha e Igor Vinícius) me ajuda muito para estes momentos em que não podemos contar com todos. O Rafinha teve uma lesão complicada no final do ano passado, ele voltou a treinar e sentiu novamente”, iniciou Carpini.

Carpini ficou bastante satisfeito com Moreira e pelo tom da declaração, pareceu bastante surpreso, tanto, que afirmou ter descoberto uma opção interessante. O treinador abordou os retornos e disse ser fundamental para não sobrecarregara o jogador escalado na lateral para o confronto contra o Água Santa.

“Não consigo precisar se ele volta daqui uma semana, isso criaria expectativa e também existe a parte fisiológica. Talvez, o mais próximo do retorno é o Igor Vinícius, que já iniciou a transição e, em breve, estará conosco e poderá ser até um desafogo ao Moreira. O Moreira deu uma assistência, foi bem na parte ofensiva e defensiva. A gente fica muito feliz. Ganhamos mais uma opção”, concluiu.

Moreira ganhou a confiança de Carpini de uma maneira que o alça a um possível coringa no esquema tático do Soberano. O treinador afirmou não gostar de improvisos, mas não descartou que o jogador pode ser uma opção para a lateral-esquerda.

O que Carpini pensa sobre improvisar Moreira

O setor esquerdo é uma carência do São Paulo, afinal, apenas as Crias de Cotia, Wellington e Patrick cobrem a posição. Ou seja, assim como aconteceu um desfalque duplo na lateral-direita, o time pode sofrer o mesmo problema do outro lado do campo. Além disso, é importante lembrar que Wellington vivencia uma novela para a renovação de seu contrato.

O treinador abordou o que pensa sobre jogadores deslocados de sua posição de origem: “Eu não gosto muito do improviso, só uso quando faltam opções. O próprio Inocêncio, do Água Santa, improvisei na esquerda, se firmou e foi para o Santos. São situações que acontecem. Não gosto do improviso, mas também não me apego”.

N sequência, explicou como e em que situação pode colocar Moreira na esquerda: “Se o Moreira se sentir confortável para fazer os dois lados, daqui a pouco pode ser uma alternativa para a gente usar. Quando a gente acaba tendo um lateral de pé contrário, perdemos profundidade, que é algo que o Welington nos entrega muito. É mais uma alternativa.”

Contudo, com Moreira vivendo um cenário de ascensão no time, o São Paulo volta a campo no próximo sábado (10), para encarar a Ponte Preta. Depois disso, tem o clássico contra o Santos no dia 14 de fevereiro, no Morumbi.

O que diz a torcida do São Paulo

[[{“value”:”Em coletiva, treinador do São Paulo abordou a situação de dois setores do Tricolor
São Paulo vence ganha nova opção com Moreira

Na última quarta-feira (7), o São Paulo encarou o Água Santa e venceu por 3 a 0, em partida realizada no Morumbi. Resultado importante, já que o São Paulo se consolidou na liderança do Grupo D, com 13 pontos. No contexto geral, o Tricolor está na segunda colocação, atrás apenas do Santos, que soma 13 pontos.

A vitória também foi um fato positivo, justamente no dia em que veio à tona a rescisão de contrato de James Rodriguez, que vai deixar o Clube após ser acionado por 14 vezes, embora tenha sido uma contratação que levantou grandes esperanças na torcida.

Contudo, o desempenho da equipe agradou e um nome se destacou, motivando manifestações de apoio nas redes sociais. Trata-se de Moreira, que substituiu Rafinha, que se recupera de lesão e tem atuado no sacrifício. A atuação do jogador chamou atenção de Carpini.

Importante lembrar que a lateral também tem Igor Vinícius, atleta elogiado pelo treinador na coletiva de pós-jogo. Igor está prestes a retornar, após lesão sofrida no jogo da Portuguesa. O comandante Tricolor fez entrou em detalhes sobre o setor.

Problemas nas laterais do São Paulo

“É um jovem que atua em uma posição muito carente no nosso cenário. O fato de o São Paulo contar com três jogadores deste nível (ele, Rafinha e Igor Vinícius) me ajuda muito para estes momentos em que não podemos contar com todos. O Rafinha teve uma lesão complicada no final do ano passado, ele voltou a treinar e sentiu novamente”, iniciou Carpini.

Carpini ficou bastante satisfeito com Moreira e pelo tom da declaração, pareceu bastante surpreso, tanto, que afirmou ter descoberto uma opção interessante. O treinador abordou os retornos e disse ser fundamental para não sobrecarregara o jogador escalado na lateral para o confronto contra o Água Santa.

“Não consigo precisar se ele volta daqui uma semana, isso criaria expectativa e também existe a parte fisiológica. Talvez, o mais próximo do retorno é o Igor Vinícius, que já iniciou a transição e, em breve, estará conosco e poderá ser até um desafogo ao Moreira. O Moreira deu uma assistência, foi bem na parte ofensiva e defensiva. A gente fica muito feliz. Ganhamos mais uma opção”, concluiu.

Moreira ganhou a confiança de Carpini de uma maneira que o alça a um possível coringa no esquema tático do Soberano. O treinador afirmou não gostar de improvisos, mas não descartou que o jogador pode ser uma opção para a lateral-esquerda.

O que Carpini pensa sobre improvisar Moreira

O setor esquerdo é uma carência do São Paulo, afinal, apenas as Crias de Cotia, Wellington e Patrick cobrem a posição. Ou seja, assim como aconteceu um desfalque duplo na lateral-direita, o time pode sofrer o mesmo problema do outro lado do campo. Além disso, é importante lembrar que Wellington vivencia uma novela para a renovação de seu contrato.

O treinador abordou o que pensa sobre jogadores deslocados de sua posição de origem: “Eu não gosto muito do improviso, só uso quando faltam opções. O próprio Inocêncio, do Água Santa, improvisei na esquerda, se firmou e foi para o Santos. São situações que acontecem. Não gosto do improviso, mas também não me apego”.

N sequência, explicou como e em que situação pode colocar Moreira na esquerda: “Se o Moreira se sentir confortável para fazer os dois lados, daqui a pouco pode ser uma alternativa para a gente usar. Quando a gente acaba tendo um lateral de pé contrário, perdemos profundidade, que é algo que o Welington nos entrega muito. É mais uma alternativa.”

Contudo, com Moreira vivendo um cenário de ascensão no time, o São Paulo volta a campo no próximo sábado (10), para encarar a Ponte Preta. Depois disso, tem o clássico contra o Santos no dia 14 de fevereiro, no Morumbi.

O que diz a torcida do São Paulo”}]]