Por ser menor de idade, Estêvão não pôde ficar com prêmio Craque Betano de melhor da partida

Estêvão, de 17 anos, “trocou” prêmio por um brinquedo do filme “Minions”.



ReadyNow

São Paulo.- Uma das principais promessas do futebol brasileiro atualmente é o atacante do Palmeiras, Estêvão, de apenas 17 anos. O atleta tem feito grandes performances e, na última rodada, fez um gol e deu uma assistência no triunfo de 2 a 0 sobre o Bahia, pela 15ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro 2024. A atuação rendeu ao garoto o prêmio de craque do jogo, que é patrocinado pela casa de apostas esportivas Betano.

Porém, o jogador não pôde receber o troféu de Craque Betano porque a legislação não permite que pessoas nessa faixa etária façam qualquer tipo de propaganda para empresas de iGaming. O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) determina que apenas pessoas com mais de 21 anos possam fazer esse tipo de anúncio.

Por isso, o troféu acabou ficando com o companheiro de time Aníbal Moreno, que deu a assistência para o gol de Estêvão. Como forma de “consolação”, o jogador adolescente ganhou um brinquedo do filme “Minios”.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Até o momento, Estêvao tem cinco gols pelo Brasileirão, além de três assistências. O bom futebol apresentado pelo garoto já chamou a atenção do Chelsea, da Inglaterra, que comprou o jogador por cerca de R$ 358 milhões. O atleta deve se apresentar ao clube inglês após completar a maioridade.

Veja também: Betano garante naming rights do Brasileirão 2024

Estêvão, de 17 anos, “trocou” prêmio por um brinquedo do filme “Minions”.

São Paulo.- Uma das principais promessas do futebol brasileiro atualmente é o atacante do Palmeiras, Estêvão, de apenas 17 anos. O atleta tem feito grandes performances e, na última rodada, fez um gol e deu uma assistência no triunfo de 2 a 0 sobre o Bahia, pela 15ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro 2024. A atuação rendeu ao garoto o prêmio de craque do jogo, que é patrocinado pela casa de apostas esportivas Betano.

Porém, o jogador não pôde receber o troféu de Craque Betano porque a legislação não permite que pessoas nessa faixa etária façam qualquer tipo de propaganda para empresas de iGaming. O Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) determina que apenas pessoas com mais de 21 anos possam fazer esse tipo de anúncio.

Por isso, o troféu acabou ficando com o companheiro de time Aníbal Moreno, que deu a assistência para o gol de Estêvão. Como forma de “consolação”, o jogador adolescente ganhou um brinquedo do filme “Minios”.

Até o momento, Estêvao tem cinco gols pelo Brasileirão, além de três assistências. O bom futebol apresentado pelo garoto já chamou a atenção do Chelsea, da Inglaterra, que comprou o jogador por cerca de R$ 358 milhões. O atleta deve se apresentar ao clube inglês após completar a maioridade.

Veja também: Betano garante naming rights do Brasileirão 2024