Tite lamenta empate do Flamengo na Libertadores e faz revelação sobre problemas físicos no elenco

Treinador deu detalhes sobre questão envolvendo seu plantel, que o obrigou modificar time titular na Colômbia

Técnico precisou fazer ao menos três mudanças no time titular


O Flamengo fez sua estreia na Copa Libertadores da América nesta terça-feira (2), contra o Millonarios, da Colômbia, fora de casa. Depois da vitória diante do Nova Iguaçu, o Rubro-Negro sofreu algumas alterações no time que iniciou a partida.


ReadyNow

Com um quadro viral, Nicolás De La Cruz sequer foi relacionado para o duelo e não compareceu ao estádio. Preservados pelo técnico, Léo Pereira e Ayrton Lucas deram seus lugares para David Luiz e Matías Viña.

O lateral-esquerdo, inclusive, foi muito abaixo no primeiro tempo e isso lhe rendeu muitas críticas nas redes sociais. A Nação apontou uma fragilidade na marcação do uruguaio, que deu muitos espaços para o adversário.

Ainda sim com um time forte em campo, o Fla sentiu a altitude de 2.640 metros em relação ao nível do mar e até tentou cadenciar a partida após abrir o placar com Pedro, de pênalti, mas foi surpreendido com o empate dos donos da casa.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Tite revela problemas físicos de nove atletas

Um dos pontos abordados por Tite na coletiva de imprensa após a partida foi as mudanças feitas para o time titular. O treinador revelou que nove atletas apresentaram problemas físicos desde o final de semana.

Após os 3 a 0 diante do Nova Iguaçu, no jogo de ida da final do Carioca, os atletas foram avaliados e alguns apresentaram desgaste ou até mesmo lesões. Segundo o treinador, foi constado problemas em nove jogadores.

“Nós viemos com nove jogadores que tinham algum problema. Nove, do último jogo até agora. Tínhamos que fazer alguma revisão, eu não posso entrar com nove jogadores, alguns sentindo, algum detalhe mais. Até porque, e esse é o detalhe mais importante, temos jogadores e um plantel com muita qualidade. Quando tu tens a necessidade que é clínica ou física de um decréscimo, naturalmente tu tens esses grandes jogadores para poder participar”, explicou.

Sendo “realista” com o que viu em campo, Tite enxergou seu time abaixo do padrão nos primeiros 15 minutos de jogo, mas melhorando com o passar do tempo e principalmente na segunda etapa.

“Primeiro com a verdade. Não adianta esconder. Sou realista. No primeiro tempo, após os 15 minutos, a equipe esteve abaixo do seu padrão. Voltou bem melhor, fez o gol merecidamente. Teve volume. Corrigiu as deficiências. Tem dias. Em um erro, em jogada individual… É um processo de evolução da equipe”, analisou.

Fla administrou resultado com um a mais em campo?

Um dos pontos falados na coletiva foi o fato do Flamengo ter ficado com um jogador a mais pouco antes de abrir o placar. Tite foi questionado se houve uma tentativa de administrar o resultado.

“Não procuramos administrar o jogo, continuamos agredindo o adversário. Colocamos três atacantes de velocidade. Não colocamos o time para trás. Trocamos peças para ter mais fresh’”, explicou.

“O Millonarios, com dez, teve marcação baixa. Atrasou a linha para ter o contragolpe. A gente não soube furar esse bloqueio. Buscamos o segundo gol. Se colocasse todo mundo atrás, poderíamos ter feito o segundo gol. Não é nossa característica isso, seria covardia. O que aconteceu é do jogo, uma jogada individual”, concluiu.

Nação reage ao empate

[[{“value”:”Treinador deu detalhes sobre questão envolvendo seu plantel, que o obrigou modificar time titular na Colômbia
Técnico precisou fazer ao menos três mudanças no time titular

O Flamengo fez sua estreia na Copa Libertadores da América nesta terça-feira (2), contra o Millonarios, da Colômbia, fora de casa. Depois da vitória diante do Nova Iguaçu, o Rubro-Negro sofreu algumas alterações no time que iniciou a partida.

Com um quadro viral, Nicolás De La Cruz sequer foi relacionado para o duelo e não compareceu ao estádio. Preservados pelo técnico, Léo Pereira e Ayrton Lucas deram seus lugares para David Luiz e Matías Viña.

O lateral-esquerdo, inclusive, foi muito abaixo no primeiro tempo e isso lhe rendeu muitas críticas nas redes sociais. A Nação apontou uma fragilidade na marcação do uruguaio, que deu muitos espaços para o adversário.

Ainda sim com um time forte em campo, o Fla sentiu a altitude de 2.640 metros em relação ao nível do mar e até tentou cadenciar a partida após abrir o placar com Pedro, de pênalti, mas foi surpreendido com o empate dos donos da casa.

Tite revela problemas físicos de nove atletas

Um dos pontos abordados por Tite na coletiva de imprensa após a partida foi as mudanças feitas para o time titular. O treinador revelou que nove atletas apresentaram problemas físicos desde o final de semana.

Após os 3 a 0 diante do Nova Iguaçu, no jogo de ida da final do Carioca, os atletas foram avaliados e alguns apresentaram desgaste ou até mesmo lesões. Segundo o treinador, foi constado problemas em nove jogadores.

“Nós viemos com nove jogadores que tinham algum problema. Nove, do último jogo até agora. Tínhamos que fazer alguma revisão, eu não posso entrar com nove jogadores, alguns sentindo, algum detalhe mais. Até porque, e esse é o detalhe mais importante, temos jogadores e um plantel com muita qualidade. Quando tu tens a necessidade que é clínica ou física de um decréscimo, naturalmente tu tens esses grandes jogadores para poder participar”, explicou.

Sendo “realista” com o que viu em campo, Tite enxergou seu time abaixo do padrão nos primeiros 15 minutos de jogo, mas melhorando com o passar do tempo e principalmente na segunda etapa.

“Primeiro com a verdade. Não adianta esconder. Sou realista. No primeiro tempo, após os 15 minutos, a equipe esteve abaixo do seu padrão. Voltou bem melhor, fez o gol merecidamente. Teve volume. Corrigiu as deficiências. Tem dias. Em um erro, em jogada individual… É um processo de evolução da equipe”, analisou.

Fla administrou resultado com um a mais em campo?

Um dos pontos falados na coletiva foi o fato do Flamengo ter ficado com um jogador a mais pouco antes de abrir o placar. Tite foi questionado se houve uma tentativa de administrar o resultado.

“Não procuramos administrar o jogo, continuamos agredindo o adversário. Colocamos três atacantes de velocidade. Não colocamos o time para trás. Trocamos peças para ter mais fresh’”, explicou.

“O Millonarios, com dez, teve marcação baixa. Atrasou a linha para ter o contragolpe. A gente não soube furar esse bloqueio. Buscamos o segundo gol. Se colocasse todo mundo atrás, poderíamos ter feito o segundo gol. Não é nossa característica isso, seria covardia. O que aconteceu é do jogo, uma jogada individual”, concluiu.

Nação reage ao empate”}]]