Bastidores do negócio entre Gabigol e Flamengo são expostos e irritação do atacante vem à tona

Atacante perdeu espaço no elenco desde o 2° semestre do ano passado e deve sair

Relação estremecida entre as partes


De 2019 para cá, o Flamengo se consolidou como o grande elenco do futebol brasileiro, aliando títulos e jogadores de altíssimo rendimento, como Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol.


ReadyNow

No entanto, apesar do plantel formado há cinco anos ser muito vitorioso, o tempo vem passando e poucos vão se mantendo na equipe. No momento, a bola da vez para deixar a Gávea é o camisa 99.

Isso porque, na reserva desde a chegada de Tite, o ídolo não vem mais conseguindo ter o mesmo rendimento e a saída deve acontecer, já que, como trouxemos no Bolavip Brasil, ele pediu para não realizar o 7° jogo no Brasileirão.

Dito isso, de acordo com informações publicadas pelo GE na manhã deste sábado (29), o “estopim” da negociação teria sido quando Gabi sentiu-se desprestigiado com o tempo de contrato oferecido, de apenas um ano.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Mais sobre o negócio

Vale lembrar que, em outubro do ano passado, as partes chegaram a alinhar um acordo pela possível permanência, mas os recentes acontecimentos fizeram a direção mudar de ideia.

Inclusive, o antigo acordo previa o pagamento de quase R$ 50 milhões em luvas, algo que “desapareceu” nas tentativas mais recentes de acertar o novo acordo com o artilheiro.

Com isso, devido a sua enorme idolatria junto ao torcedor, Gabigol teve a oportunidade de aceitar o contrato de mais um ano, com salário superior a R$ 2 milhões. Porém, ele não quis.

Vale lembrar que todos os integrantes do quarteto que foi protagonista na América tiveram seus contratos renovados e com reajuste salarial. Bruno Henrique, por exemplo, estendeu o vínculo por três anos.

De qualquer forma, a situação atual parece insustentável e a saída é questão de tempo. Perto de completar 28 anos, Gabigol vive uma temporada extremamente difícil e quer se recuperar fora do Fla.

Flamenguistas falam sobre Gabi

[[{“value”:”Atacante perdeu espaço no elenco desde o 2° semestre do ano passado e deve sair
Relação estremecida entre as partes

De 2019 para cá, o Flamengo se consolidou como o grande elenco do futebol brasileiro, aliando títulos e jogadores de altíssimo rendimento, como Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol.

No entanto, apesar do plantel formado há cinco anos ser muito vitorioso, o tempo vem passando e poucos vão se mantendo na equipe. No momento, a bola da vez para deixar a Gávea é o camisa 99.

Isso porque, na reserva desde a chegada de Tite, o ídolo não vem mais conseguindo ter o mesmo rendimento e a saída deve acontecer, já que, como trouxemos no Bolavip Brasil, ele pediu para não realizar o 7° jogo no Brasileirão.

Dito isso, de acordo com informações publicadas pelo GE na manhã deste sábado (29), o “estopim” da negociação teria sido quando Gabi sentiu-se desprestigiado com o tempo de contrato oferecido, de apenas um ano.

Mais sobre o negócio

Vale lembrar que, em outubro do ano passado, as partes chegaram a alinhar um acordo pela possível permanência, mas os recentes acontecimentos fizeram a direção mudar de ideia.

Inclusive, o antigo acordo previa o pagamento de quase R$ 50 milhões em luvas, algo que “desapareceu” nas tentativas mais recentes de acertar o novo acordo com o artilheiro.

Com isso, devido a sua enorme idolatria junto ao torcedor, Gabigol teve a oportunidade de aceitar o contrato de mais um ano, com salário superior a R$ 2 milhões. Porém, ele não quis.

Vale lembrar que todos os integrantes do quarteto que foi protagonista na América tiveram seus contratos renovados e com reajuste salarial. Bruno Henrique, por exemplo, estendeu o vínculo por três anos.

De qualquer forma, a situação atual parece insustentável e a saída é questão de tempo. Perto de completar 28 anos, Gabigol vive uma temporada extremamente difícil e quer se recuperar fora do Fla.

Flamenguistas falam sobre Gabi”}]]