Coudet desabafa sobre o Inter ter que abrir mão de competição: “Está mais que claro”

Treinador disse que o Colorado está na briga, mas direção vai analisar prioridades

Superação Colorada


No último domingo (30), o Internacional enfrentou o Criciúma, pela 13ª rodada do Brasileirão Série A e ficou o empate de 1 a 1 em partida disputada em Santa Catarina. O resultado deixa o Colorado na 18ª colocação na tabela da competição.


ReadyNow

O Clube do Povo sai na frente, mas acabou cedendo o empate no segundo tempo. Entretanto, após a partida, o técnico Eduardo Coudet deixou de lado a análise da partida para desabafar sobre as dificuldades enfrentadas na atual temporada.

O treinador iniciou afirmando que o Inter passou da fase mais aguda do problema que afastou a equipe de seu estádio e de seu centro de treinamento devido à tragédia climática que assolou o Rio Grane do Sul. Pelas palavras do treinador, a equipe se superou.

“Era um tempo para sobreviver e acho que a sobrevivência supera a expectativa”, afirmou o treinador no início da entrevista coletiva. O argentino também falou sobre a diferença com outras equipes.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Treinador mandou a real sobre maratona de viagens

“Está difícil, mas continuamos acreditando que vamos sair vivos dessa sequência. Preparar para o próximo jogo com o Fluminense, jogar da mesma maneira e tratar de ganhar. Todo time tem dificuldades, muitos machucados. Diferença que não podemos esquecer o que aconteceu e os outros vão se reforçando com muito dinheiro”, completou.

Mas, para Coudet, o Colorado segue em busca da competitividade: “Muito complicado o que estamos vivendo. Voltar a viajar, recuperar e preparar o próximo jogo. Teremos que competir. Vamos brigar. As dificuldades estão aí e vamos enfrentá-las”.

Colorado pode abrir mão de um dos campeonatos?

Durante a entrevista, o treinador admitiu a possibilidade de abrir mão de uma das três competições em que o Clube do Povo disputa.

“Tentamos ser competitivo em cada jogo. Obviamente o grupo está cansado, isso é indiscutível, por isso valorizo o esforço que fazem, os números físicos são notáveis pela sequência de partidas. Vai ser muito difícil nos manter nas três competições, está mais que claro… Decidir por uma competição ou não, falaremos internamente”, explicou.

[[{“value”:”Treinador disse que o Colorado está na briga, mas direção vai analisar prioridades
Superação Colorada

No último domingo (30), o Internacional enfrentou o Criciúma, pela 13ª rodada do Brasileirão Série A e ficou o empate de 1 a 1 em partida disputada em Santa Catarina. O resultado deixa o Colorado na 18ª colocação na tabela da competição.

O Clube do Povo sai na frente, mas acabou cedendo o empate no segundo tempo. Entretanto, após a partida, o técnico Eduardo Coudet deixou de lado a análise da partida para desabafar sobre as dificuldades enfrentadas na atual temporada.

O treinador iniciou afirmando que o Inter passou da fase mais aguda do problema que afastou a equipe de seu estádio e de seu centro de treinamento devido à tragédia climática que assolou o Rio Grane do Sul. Pelas palavras do treinador, a equipe se superou.

“Era um tempo para sobreviver e acho que a sobrevivência supera a expectativa”, afirmou o treinador no início da entrevista coletiva. O argentino também falou sobre a diferença com outras equipes.

Treinador mandou a real sobre maratona de viagens

“Está difícil, mas continuamos acreditando que vamos sair vivos dessa sequência. Preparar para o próximo jogo com o Fluminense, jogar da mesma maneira e tratar de ganhar. Todo time tem dificuldades, muitos machucados. Diferença que não podemos esquecer o que aconteceu e os outros vão se reforçando com muito dinheiro”, completou.

Mas, para Coudet, o Colorado segue em busca da competitividade: “Muito complicado o que estamos vivendo. Voltar a viajar, recuperar e preparar o próximo jogo. Teremos que competir. Vamos brigar. As dificuldades estão aí e vamos enfrentá-las”.

Colorado pode abrir mão de um dos campeonatos?

Durante a entrevista, o treinador admitiu a possibilidade de abrir mão de uma das três competições em que o Clube do Povo disputa.

“Tentamos ser competitivo em cada jogo. Obviamente o grupo está cansado, isso é indiscutível, por isso valorizo o esforço que fazem, os números físicos são notáveis pela sequência de partidas. Vai ser muito difícil nos manter nas três competições, está mais que claro… Decidir por uma competição ou não, falaremos internamente”, explicou.”}]]