Simon confirma erro de Ramon Abatti Abel em lance com Pulgar, do Flamengo: “Pênalti não marcado”

Ex-árbitro analisou todos os lances da partida, apontando um em específico que poderia gerar mais um gol ao Mais Querido

Liderança garantida e arbitragem exposta:


O Flamengo vem surpreendendo muita gente e vai sobrando no Campeonato Brasileiro até aqui, mesmo com inúmeros desfalques importantes em decorrência da Copa América, fazendo Tite ter que trabalhar.


ReadyNow

Diante do Atlético-MG, por exemplo, jogando dentro da Arena MRV, os cariocas não perdoaram e aplicaram 4 a 2 no adversário, não dando chances para reação e chegando aos 30 pontos no Brasileirão, sendo líder isolado.

A partida em Belo Horizonte contou com ótima atuação de Bruno Henrique, por exemplo, além de gol marcado por Carlinhos, que recebeu uma oportunidade na vaga de Pedro, mostrando que pode ajudar na temporada.

Alguns lances durante os 90 minutos, no entanto, acabaram gerando reclamações e polêmicas. Em decorrência disso, visando explicar cada um deles, Carlos Eugênio Simon analisou e deixou o clima ainda mais quente.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Veja a análise completa:

Na opinião do ex-árbitro, Ramon Abatti Abel acertou ao marcar o pênalti no atacante Vargas, após ser chamado pelo VAR e revisar o lance no monitor, mas errou ao não assinalar uma penalidade em Pulgar, no segundo tempo.

Pênalti bem marcado para a equipe do Atlético. O Vargas sofre o ‘rapa’ dentro da área e o árbitro não marcou. O jogador do Flamengo trisca na bola e pega o pé do adversário. O VAR interveio corretamente e o árbitro marcou a penalidade”, iniciou.

E para o Flamengo, houve um pênalti não marcado em cima do Pulgar. O Otávio dá o ‘rapa’ em uma disputa de bola, acaba enganchando o pé e derruba o jogador do Flamengo. Essa o VAR não interveio, errou a arbitragem, disse Simon.

Árbitro teve mais acertos:

Se não bastasse isso, Simon ainda afirmou que o árbitro acertou em dois lances importantes: a expulsão de Rômulo, do Atlético, e a não marcação de pênalti em Pedro, do Flamengo.

Nas redes sociais, muitos torcedores vinham reclamando dos lances citados, mesmo que o resultado tenha comprovado uma superioridade do Mais Querido em relação ao time comandado por Gabriel Milito.

[[{“value”:”Ex-árbitro analisou todos os lances da partida, apontando um em específico que poderia gerar mais um gol ao Mais Querido
Liderança garantida e arbitragem exposta:

O Flamengo vem surpreendendo muita gente e vai sobrando no Campeonato Brasileiro até aqui, mesmo com inúmeros desfalques importantes em decorrência da Copa América, fazendo Tite ter que trabalhar.

Diante do Atlético-MG, por exemplo, jogando dentro da Arena MRV, os cariocas não perdoaram e aplicaram 4 a 2 no adversário, não dando chances para reação e chegando aos 30 pontos no Brasileirão, sendo líder isolado.

A partida em Belo Horizonte contou com ótima atuação de Bruno Henrique, por exemplo, além de gol marcado por Carlinhos, que recebeu uma oportunidade na vaga de Pedro, mostrando que pode ajudar na temporada.

Alguns lances durante os 90 minutos, no entanto, acabaram gerando reclamações e polêmicas. Em decorrência disso, visando explicar cada um deles, Carlos Eugênio Simon analisou e deixou o clima ainda mais quente.

Veja a análise completa:

Na opinião do ex-árbitro, Ramon Abatti Abel acertou ao marcar o pênalti no atacante Vargas, após ser chamado pelo VAR e revisar o lance no monitor, mas errou ao não assinalar uma penalidade em Pulgar, no segundo tempo.

“Pênalti bem marcado para a equipe do Atlético. O Vargas sofre o ‘rapa’ dentro da área e o árbitro não marcou. O jogador do Flamengo trisca na bola e pega o pé do adversário. O VAR interveio corretamente e o árbitro marcou a penalidade”, iniciou.

“E para o Flamengo, houve um pênalti não marcado em cima do Pulgar. O Otávio dá o ‘rapa’ em uma disputa de bola, acaba enganchando o pé e derruba o jogador do Flamengo. Essa o VAR não interveio, errou a arbitragem”, disse Simon.

Árbitro teve mais acertos:

Se não bastasse isso, Simon ainda afirmou que o árbitro acertou em dois lances importantes: a expulsão de Rômulo, do Atlético, e a não marcação de pênalti em Pedro, do Flamengo.

Nas redes sociais, muitos torcedores vinham reclamando dos lances citados, mesmo que o resultado tenha comprovado uma superioridade do Mais Querido em relação ao time comandado por Gabriel Milito.”}]]