Alô, Palmeiras! Presidente do Fluminense sonha em contratar Abel Ferreira: “Treinador que pude avaliar”

Coletiva de Mário Bittencourt nas Laranjeiras reservou tempo para colocar o técnico do Maior Campeão do Brasil em evidência novamente

Abel histórico no Verdão


Nesta terça-feira (25), Abel Ferreira conquistou mais uma façanha pelo Palmeiras. E olha que seu time nem entrou em campo. O português de 45 anos tornou-se o treinador mais longevo da história do Alviverde em uma única passagem.


ReadyNow

Três anos, sete meses e 20 dias depois de sua estreia à frente do Verdão, o treinador superou Oswaldo Brandão, que esteve à frente do clube por três anos, sete meses e 19 dias ao longo de cinco temporadas, entre 1971 e 1975.

Abel é o único treinador do futebol brasileiro a ter no currículo os títulos da Libertadores, do Brasileirão Série A, da Copa do Brasil, do Estadual, da Recopa Sul-Americana e da Supercopa do Brasil.

E é inevitável que o luso chame a atenção em outros clubes. Nesta terça-feira, o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, concedeu entrevista coletiva em que falou sobre os planos do Clube após demitir Fernando Diniz. Deu tempo até para falar, por incrível que pareça, em Abel Ferreira.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Tem gente que sonha alto demais

Em um dos momentos da entrevista, o cartola do Flu foi questionado se não gostava de técnicos estrangeiros. E o comandante do Palmeiras foi um exemplo de Bittencourt para enfatizar o trabalho de Abel no Maior Campeão do Brasil.

“Por que eu não gostaria de um treinador estrangeiro? Eu tenho um jogador colombiano, um argentino. Vale a pena contratar um treinador estrangeiro se você conhece o trabalho e o tipo de trabalho que ele fez”, começou o presidente do Flu para, em seguida, citar a admiração pelo técnico do Palmeiras.

“Se um dia o Abel Ferreira não estiver no Palmeiras, eu gostaria de trazer pro Fluminense. Porque é um treinador que eu conheço e acompanho o trabalho. Eu vejo os times do Abel treinar, o time do Botafogo, do Fortaleza. São alguns que eu admiro e gostaria de trabalhar, Abel Ferreira, Luis Castro, Vojvoda”, completou o mandatário do Flu.

Situação de Abel no SEP

Hoje, Abel tem vínculo na Academia de Futebol até dezembro de 2025. No último mês, o técnico foi alvo de ação do Al-Sadd, do Catar, que acusa o português de ter assinado um pré-vínculo no fim do ano passado e cobra na FIFA o pagamento de 5 milhões de euros (R$ 29 milhões) do comandante.

De acordo com o jornal português O Jogo, a multa rescisória de Abel no contrato do Palmeiras é de 8 milhões de euros (R$ 47 milhões aproximadamente), bem maior que os 3 milhões de euros antes da renovação anunciada pela presidente Leila Pereira.

Por falar na empresária, ela é favorita à reeleição no Verdão e seu plano é manter o treinador lusitano até o fim do segundo mandato, ou seja, até dezembro de 2027. O treinador evita fazer mais projeções futuras, porém é inegável que ele e sua família são felizes em São Paulo.

[[{“value”:”Coletiva de Mário Bittencourt nas Laranjeiras reservou tempo para colocar o técnico do Maior Campeão do Brasil em evidência novamente
Abel histórico no Verdão

Nesta terça-feira (25), Abel Ferreira conquistou mais uma façanha pelo Palmeiras. E olha que seu time nem entrou em campo. O português de 45 anos tornou-se o treinador mais longevo da história do Alviverde em uma única passagem.

Três anos, sete meses e 20 dias depois de sua estreia à frente do Verdão, o treinador superou Oswaldo Brandão, que esteve à frente do clube por três anos, sete meses e 19 dias ao longo de cinco temporadas, entre 1971 e 1975.

Abel é o único treinador do futebol brasileiro a ter no currículo os títulos da Libertadores, do Brasileirão Série A, da Copa do Brasil, do Estadual, da Recopa Sul-Americana e da Supercopa do Brasil.

E é inevitável que o luso chame a atenção em outros clubes. Nesta terça-feira, o presidente do Fluminense, Mário Bittencourt, concedeu entrevista coletiva em que falou sobre os planos do Clube após demitir Fernando Diniz. Deu tempo até para falar, por incrível que pareça, em Abel Ferreira.

Tem gente que sonha alto demais

Em um dos momentos da entrevista, o cartola do Flu foi questionado se não gostava de técnicos estrangeiros. E o comandante do Palmeiras foi um exemplo de Bittencourt para enfatizar o trabalho de Abel no Maior Campeão do Brasil.

“Por que eu não gostaria de um treinador estrangeiro? Eu tenho um jogador colombiano, um argentino. Vale a pena contratar um treinador estrangeiro se você conhece o trabalho e o tipo de trabalho que ele fez”, começou o presidente do Flu para, em seguida, citar a admiração pelo técnico do Palmeiras.

“Se um dia o Abel Ferreira não estiver no Palmeiras, eu gostaria de trazer pro Fluminense. Porque é um treinador que eu conheço e acompanho o trabalho. Eu vejo os times do Abel treinar, o time do Botafogo, do Fortaleza. São alguns que eu admiro e gostaria de trabalhar, Abel Ferreira, Luis Castro, Vojvoda”, completou o mandatário do Flu.

Situação de Abel no SEP

Hoje, Abel tem vínculo na Academia de Futebol até dezembro de 2025. No último mês, o técnico foi alvo de ação do Al-Sadd, do Catar, que acusa o português de ter assinado um pré-vínculo no fim do ano passado e cobra na FIFA o pagamento de 5 milhões de euros (R$ 29 milhões) do comandante.

De acordo com o jornal português O Jogo, a multa rescisória de Abel no contrato do Palmeiras é de 8 milhões de euros (R$ 47 milhões aproximadamente), bem maior que os 3 milhões de euros antes da renovação anunciada pela presidente Leila Pereira.

Por falar na empresária, ela é favorita à reeleição no Verdão e seu plano é manter o treinador lusitano até o fim do segundo mandato, ou seja, até dezembro de 2027. O treinador evita fazer mais projeções futuras, porém é inegável que ele e sua família são felizes em São Paulo.”}]]