De La Cruz tem situação exposta na Copa América e torcida do Flamengo vai torcer contra

Meio-campista do Rubro-Negro do Rio de Janeiro está com a Seleção Uruguaia na Copa América e pode ser adversário de Dorival Júnior

De olho na Copa América


O Flamengo segue na liderança isolada do Campeonato Brasileiro mesmo com desfalques. Com a boa fase dentro de campo, há alguns assuntos nos bastidores que vêm preocupando.


ReadyNow

Um deles envolve Gabigol. Após não chegar a um acordo de renovação, times como Palmeiras, Cruzeiro, Grêmio e Boca Juniors desejam sua contratação. No entanto, o atacante deve permanecer até dezembro.

Enquanto isso, muitos ficaram felizes que o chileno Erick Pulgar estará à disposição antes do previsto. Tudo isso porque o Chile acabou sendo eliminado da Copa América, ainda na fase de grupos.

Situação bem diferente dos uruguaios De La Cruz, Arrascaeta e Matías Viña, Varela. Isso porque a Celeste eliminou os Estados Unidos ao vencer os donos da casa pelo placar de 1 a 0 e seguem na competição.


Com a evolução do comércio eletrônico, PayRetailers inova para revolucionar o mercado de pagamentos - Startups
Avante NetWork - Casino Affiliate Platform | LinkedIn

iGaming & Gaming International Expo - IGI

Nico decide e pode enfrentar o Brasil

No confronto, apenas dois dos quatro jogadores do Fla foram titulares: De la Cruz e Viña. Aliás, o primeiro participou diretamente do gol uruguaio. Ele cobrou a falta que acabou resultando no gol de Mathías Oliveira.

Antes, inclusive, não só Nico, como Viña quase protagonizaram um outro gol dos uruguaios. O meio-campista cruzou a bola e o lateral cabeceou para o gol, mas a bola acabou não entrando.

No entanto, isso pode acabar fazendo os torcedores do Mengão torcerem contra De La Cruz e os outros jogadores da equipe. Tudo isso porque existe o risco do Uruguai enfrentar o Brasil na próxima fase.

Tudo depende do time de Dorival

A Celeste está garantida na primeira colocação do Grupo C e caso a Seleção Brasileira não derrote a Colômbia, em confronto marcado para acontecer nesta terça-feira (2), as duas seleções vão se enfrentar nas quartas de final, o que deve fazer a Nação secar seu meio-campista.

Vale ressaltar que atualmente o Brasil ocupa o segundo lugar do Grupo D, com quatro pontos, enquanto os colombianos têm seis. Sendo assim, só não irá enfrentar os uruguaios se vencer a partida.

Reações da Nação sobre o meia

[[{“value”:”Meio-campista do Rubro-Negro do Rio de Janeiro está com a Seleção Uruguaia na Copa América e pode ser adversário de Dorival Júnior
De olho na Copa América

O Flamengo segue na liderança isolada do Campeonato Brasileiro mesmo com desfalques. Com a boa fase dentro de campo, há alguns assuntos nos bastidores que vêm preocupando.

Um deles envolve Gabigol. Após não chegar a um acordo de renovação, times como Palmeiras, Cruzeiro, Grêmio e Boca Juniors desejam sua contratação. No entanto, o atacante deve permanecer até dezembro.

Enquanto isso, muitos ficaram felizes que o chileno Erick Pulgar estará à disposição antes do previsto. Tudo isso porque o Chile acabou sendo eliminado da Copa América, ainda na fase de grupos.

Situação bem diferente dos uruguaios De La Cruz, Arrascaeta e Matías Viña, Varela. Isso porque a Celeste eliminou os Estados Unidos ao vencer os donos da casa pelo placar de 1 a 0 e seguem na competição.

Nico decide e pode enfrentar o Brasil

No confronto, apenas dois dos quatro jogadores do Fla foram titulares: De la Cruz e Viña. Aliás, o primeiro participou diretamente do gol uruguaio. Ele cobrou a falta que acabou resultando no gol de Mathías Oliveira.

Antes, inclusive, não só Nico, como Viña quase protagonizaram um outro gol dos uruguaios. O meio-campista cruzou a bola e o lateral cabeceou para o gol, mas a bola acabou não entrando.

No entanto, isso pode acabar fazendo os torcedores do Mengão torcerem contra De La Cruz e os outros jogadores da equipe. Tudo isso porque existe o risco do Uruguai enfrentar o Brasil na próxima fase.

Tudo depende do time de Dorival

A Celeste está garantida na primeira colocação do Grupo C e caso a Seleção Brasileira não derrote a Colômbia, em confronto marcado para acontecer nesta terça-feira (2), as duas seleções vão se enfrentar nas quartas de final, o que deve fazer a Nação secar seu meio-campista.

Vale ressaltar que atualmente o Brasil ocupa o segundo lugar do Grupo D, com quatro pontos, enquanto os colombianos têm seis. Sendo assim, só não irá enfrentar os uruguaios se vencer a partida.

Reações da Nação sobre o meia”}]]